16/12/2018 (75) 99274-4456

Política

Ifarma

Moro diz que trocou do Judiciário por Executivo por cansaço de tomar 'bola nas costas'

O ex-juiz acrescentou que o convite feito pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) possibilitou que ele tivesse o interesse de colocar em prática ações diretas no combate à criminalidade

Por Portal TNews 03/12/2018 às 23:45:52

O futuro ministro da Justiça, Sergio Moro, disse hoje (3) em Madri que trocou a magistratura pelo Executivo porque estava "cansado de tomar bola nas costas". A expressão foi usada por ele para caracterizar o que seria um alcance limitado de suas sentenças enquanto juiz federal de Curitiba. Em pronunciamento à plateia de um seminário promovido pela Fundação Internacional para a Liberdade, presidida pelo Nobel de Literatura peruano Mario Vargas Llosa, o ex-magistrado afirmou que não dá para combater a corrupção somente com o trabalho de procuradores, policiais e juízes.

"Como gostamos de futebol, temos no Brasil uma expressão segundo a qual alguém diz estar cansado de levar bola nas costas", declarou Moro.

"Meu trabalho no Judiciário era relevante, mas tudo aquilo poderia se perder se não impulsionasse reformas maiores, que eu não poderia fazer como juiz", disse.

O ex-juiz acrescentou que o convite feito pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) possibilitou que ele tivesse o interesse de colocar em prática ações diretas no combate à criminalidade. "Durante estes quatro anos [de atuação na Lava Jato], me perguntei se não tinha ido longe demais na aplicação da lei, se o sistema político não iria revidar. Esse caso ia chegar ao fim, e era preciso que gerasse mudanças institucionais. Me senti tentado pela possibilidade de fazer algo mais significativo, não pela posição de poder", afirmou Moro. 

Fonte: Metro1

comentários